Diário do Jogador: Cotton Facotry III

0
514
munição para airsoft honor code

Em nosso calendário nordestino um dos eventos mais aguardados do anos é a Operação Cotton Facotry, que em 2017, chega em sua terceira edição realizada no Rio Grande do Norte – RN. Tudo começa com muita dedicação e preparativos bem antes mesmo da confirmação da data pela organização, como, por exemplo, a elaboração da logística de atravessar um Estado a outro, percorrendo quase 900 km, em apenas 2 dias.

O encontro com amigos de diversas regiões do país e que dividem diariamente a mesma paixão pelo esporte, além de conhecer novos combatentes, é o combustível que alimenta essa viagem. Durante as inúmeras conversas entre os presentes é possível compreender a dinâmica do esporte em diferentes partes do país, conhecendo um pouco sobre as dificuldades em praticar o airsoft atualmente no Brasil.

Tive a oportunidade novamente de dividir junto com um bom número dos mesmos companheiros de 2016 o comando do exército ELP. Esse ano contamos com a presença de um novo comandante. Em 2017 a determinação dos últimos anos mais uma vez se fez presente, em um cenário tipicamente nordestino, mesmo com os 42ºC marcados durante o evento, prefiro pensar que o sol veio nos abençoar e não maltratar, saudando os companheiros de outros Estados do país.

Acima imagem do avanço das tropas durante a Operação Cotton Facotry III.

Como líder do squad de recon e com missões bem definidas pelo comando da equipe fomos avançando em um solo de difícil acesso, com intensa presença de espinhos e pouca cobertura de vegetação, mas com determinação e foco no objetivo proposto pela organização e nosso Comandante. Os confrontos em uma vegetação de caatinga surpreenderam diversos participantes, desacostumando com esse tipo de terreno, demonstrando que a Operação Cotton Facotry não é para amadores.

O nível de enriquecimento pessoal ao participar de um evento como a Operação Cotton Facotry não há igual, perceber o companheirismo entre os participantes, auxiliando os operadores que tiveram algum desconforto devido as altas temperaturas é algo incrível, que apenas o esporte pode proporcionar. Apenas 2 dias de evento não é o suficiente para que  todas as conversas e brincadeiras durante a viagem ocorram, sendo o tempo um inimigo inexorável que só poderá ser combatido na próxima edição.

São esses os pequenos momentos que nos fazem grandes, são simbólicos gestos de gratidão e honra que nos fazem amar cada dia mais o nosso esporte. A operação esse ano teve um valor pessoal maior, pois tive a oportunidade e o prazer de ter ao nosso lado um companheiro de equipe do Estado do Rio de Janeiro e colunista da revista Airsoft Action Magazine que em breve estará novamente conosco, na operação Albatroz de 2018.

Parabéns aos patrocinadores, aos participantes e aos organizadores, em especial Alex Feitosa, responsável em comandar os preparativos do evento, disponibilizando escola, ônibus, van, ambulância, almoço e café da manha aos presentes, além é claro dos brindes sorteados enviados pelos parceiros do evento.

Autor: Neto, capitão da SBAT-PB e líder do squad de recon do exército ELP durante a Operação Cotton Facotry III.

Acima vídeo de divulgação da Cotton Facotry III (Fonte: NCT-02).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Informe o Código para Comentar *